quinta-feira, 12 de abril de 2012

Case: Cacau Show, Estudo dos Sistema de Franquias e Empreededorismo

Créditos: Trabalho, desenvolvido por: Aloizio Ziareski; Everson Silveira; Marcos Magnum; Michel Zanon, e apresentado a disciplina de Empreendedorismo, da Faculdade INEC - Castro, Professor Jorge Soistak.

Resumo

O presente estudo busca investigar o mercado de franquias com foco na área de chocolates finos. Como objeto de pesquisa foi proposto à empresa ‘Cacau Show’ uma jovem e conceituada indústria e rede de franquias de chocolates que vem crescendo de forma instigante e inspiradora, a intenção deste estudo é elencar os aspectos mais relevantes no que toca a questão do sistema de franquias, sistemas de gestão e perfil empreendedor, para tanto foi utilizado o método de pesquisa exploratória, a qual nos trouxe a elucidação do foco de estudo, o material ainda nos incita a conhecer o espírito empreendedor de um dos homens que pode ser considerado de maior sucesso em nosso país. Em suma o presente estudo tem por objetivo esclarecer e ampliar o know-how acerca do fator Empreendedorismo.

Palavras chave: Cacau Show; Empreendedorismo; Redes de Franquia; Gestão de Marca.


Summary

The present study investigates the market franchises with a focus in the area of fine chocolates. As the object of research was proposed to the company 'Cacao Show' a young and renowned industry and franchise network of chocolates that has grown so exciting and inspiring, the intent of this study is to list the most important aspects regarding the issue of system franchising, management and entrepreneurial profile, was used for both exploratory research method, which brought us to clarify the focus of study, the material still encourages us to know an enterprising men who can be considered more success in our country. In summary the present study aims to clarify and expand the know-how about the factor Entrepreneurship.

Keywords: Cacao Show, Entrepreneurship, Franchise Network, Brand Management.

Obs.; Os diagramas expostos neste estudo expressão a compreenção dos autores acerca da concorrencia, sendo idealizado  por Marcos Magnum e trabalhado pela equipe em conjunto.



1.    Origem e Histórico

A ideia da criação da indústria de chocolates artesanais Cacau show, surgiu de Alexandre Tadeu da Costa, filho de um casal empreendedor sendo seu pai tecelão e sua mãe revendedora de produtos por catálogo ‘porta-a-porta’. Alexandre começou a trabalhar aos 14 anos, junto com sua mãe na revende de produtos ‘porta-a-porta’ sua mãe possuía espírito empreendedor, característica a qual seu filho herdou. No início, sua mãe revendia produtos por catálogo como Avon, Tupperware, dentro outros, nesta atividade ela vislumbrou a oportunidade de criar catálogos com suas próprias marcas, para absorver uma maior parcela de clientes e suprir os ‘gaps’ ocasionados pelas sazonalidades, dentre esses catálogos foi criado um com a proposta de prospectar chocolates o qual foi batizado como ‘Cacau Show’ – catálogo de revendas de chocolates. A primeira experiência de sua mãe com esta linha de revendas ocorreu em 1985 e não foi bem sucedido o que fez com que este catálogo acaba-se ficando de lado. Dois anos mais tarde Alexandre, acreditando ter um grande potencial mal explorado, pede afastamento dos negócios da família e decide reinvestir no catálogo de revenda de chocolates ‘Cacau Show’ – neste ponto Alexandre inicia um contrato para revenda de chocolates de um fabricante, negociador nato conseguiu atingir a venda de 2.000 unidades de ovos, às vésperas de uma páscoa, após o trabalho árduo retornou a Fábrica para entrega de pedido para poder prosseguir.  Quando Alexandre entregou o pedido ao fabricante o mesmo admirado pela expressiva quantidade de ovos encomendados informou-lhe que não poderia atender devido ao fato de não produzir ovos no tamanho solicitado pelos clientes, haja vista a fabrica não possuir padrão para tal. Neste ponto Alexandre se viu a beira de não conseguir atender seus clientes, com objetivo de não faltar com clientes começou a buscar novas alternativas para solucioná-los. Foi ai que Alexandre conheceu uma peça fundamental para dar o ponta pé inicial no que hoje é a ‘Cacau Show’ – em uma de suas procuras encontrou a senhora Cleusa que produzia artesanalmente chocolates para seus familiares, a senhora colocou-se a disposição de Alexandre para ajudá-lo a produzir os ovos, para tanto Costa tomou emprestado de um tio $ 500,00 dólares e se juntou a Dona Cleusa para produzir por conta própria a quantidade necessária para atender aos pedidos. Trabalhando incessantemente a uma média de 18 horas por dia conseguiram produzir os 2.000 ovos em apenas três dias, logo após todo esse esforço e entregue os pedidos, Dona Cleusa retornou a sua rotina doméstica junto da sua parte no lucro das vendas. Costa devolveu o dinheiro emprestado por seu tio e ficou com outros $ 500,00 dólares, com toda a experiência que passou pode observar a carência existente nesse nicho de mercado e decidiu por investir no desenvolvimento da marca ‘Cacau Show’ na fabricação de chocolates finos, e com os $ 500,00 dólares aplicou como capital inicial.
Inicialmente por volta de 1987 A ‘Cacau Show’ operava em uma sala de 12 metros quadrados cedida por seus pais que se localizava na sede dos negócios da família. A crescente ascensão da fábrica foi tão rápida que em pouco tempo Costa decidiu ampliar a fábrica adquirindo toda a estrutura do prédio da família até chegar a 5 mil metros quadrados. Em 2006 Alexandre encontra-se frente a mais um desafio sua sede já não possui mais estrutura para suportar a demanda e adquire um novo espaço para a ampliação dos negócios em um terreno de aproximadamente 75 mil metros com área inicial construída de 17 mil m² que rapidamente foram expandidos para 55 mil m².

Em entrevista com a HSM quando questionado a respeito do seu papel atual dentro da ‘Cacau Show’ Alexandre disse “Acho que uma das virtudes de um empreendedor é entender qual é seu papel em cada momento, porque os papéis mudam; a gente tem de saber se desapegar de um e se preparar para outro. Meu papel atual é o de inspirar e formar as pessoas. Tenho de aprender a delegar, o que não é simples, porque é dar meu filho para outro cuidar”.


2.    Apoio e Treinamento

    A empresa Cacau Show está em constante crescimento e de forma planejada, por isso sempre antes de abrir uma nova unidade, a empresa faz um minucioso estudo de mercado na região escolhida pelo candidato, com o objetivo de viabilizar e perpetuar a operação da loja.Nesse sentido, o primeiro passo é verificar se a sua cidade tem disponibilidade de pontos para novas unidades da Cacau Show.
Caso a cidade não esteja no momento relacionada na lista, vale consultar no site em breve, pois essa relação de praças para aberturas de lojas pode mudar de acordo com o crescimento da região ou inaugurações de novos centros comerciais, entre outros fatores que influenciam a região.
A Empresa inaugurou sua primeira loja padronizada em 2001, na cidade de Piracicaba(SP), iniciando o sistema de franchising em 2004.
Quanto a abertura de franquia, a empresa disponibiliza uma assessoria permanente ao interessado, como se segue :
- Direito de uso da marca;
-Apoio jurídico;
-Apoio na montagem e inauguração da loja;
-Auxílio na análise do ponto comercial;
-Treinamento inicial do franqueado;
-Manuais de implantação, Administração & Controle e Marketing & Vendas;
-Treinamento constante focado em resultados da equipe da loja (E-learning)
-Desenvolvimento do material promocional;
-Indicação de fornecedores;
-Marketing Institucional estruturado;
-Apoio no Marketing local;
-Assessoria de Imprensa;


3.    Investimento Taxa Inicial e outras Taxas.

O futuro empreendedor que deseja abrir uma franquia, deverá ter um perfil com as características desejadas pelos diretores da empresa, e no entanto deve ter acima de tudo força de vontade(disponibilidade para trabalhar cerca de 55 horas semanais) e comprometimento com o negócio .
Contudo, o processo de seleção é bem criterioso e o investidor que passar por ela deverá ter a ciência de que fará parte do Cast,da hoje conceituada maior indústria de chocolates finos do mundo.
Para o uso da marca, a revenda dos produtos, e atividades relacionadas, a taxa de investimento inicial é de cerca de R$ 120.000,00, distribuídos entre :
- 25.000 reais, taxa da franquia;
- 80.000 reais, instalações;
-15.000 reais, pedido inicial (Estoque).
No entanto, é recomendado que o franqueado possua recursos próprios, sendo vedado a aquisição de capital inicial através de empréstimos e financiamentos.
Quanto as instalações da loja(Ponto Comercial), a área deve conter no mínimo 40,00 metros quadrados, tendo medidas de comprimento de 7,15 m e de largura de 3,90 m, sendo 28 metros quadrados para a loja e 12 metros quadrados de estoque.

4.    Analise de Concorrência (SWOT)

Existem muitos concorrentes no setor de chocolates porém no nicho de chocolates finos destacam-se a ‘Cacau Show’ que hoje sustenta a marca como líder de mercado e a ‘CRM’ portadora das duas marcas de maior expressão como concorrentes, sendo elas ‘Kopenhagen’ e ‘Brasil Cacau’.
A ‘CRM’ começou no mercado em 1997 logo após comprar a marca ‘Kopenhagen’ uma antiga marca de chocolates finos criada em 1928 na época da mudança administrativa a marca era a mais tradicional do Brasil, mas estava em decadência devido a uma administração familiar sem objetivos de crescimento.
Já a ‘Cacau Show’ desde a sua criação vem conquistando o mercado tornando-se então a líder. A partir dessa concorrência a ‘CRM’ adotou uma estratégia um tanto quanto interessante criando sua segunda marca a ‘Brasil Cacau’ a fim de desacelerar o crescimento da ‘Cacau Show’ em um confronto direto.
A Kopenhagen atende exclusivamente a classe “A”, tanto é que as suas unidades de venda foram instaladas em pontos estratégicos como shoppings em grandes centros. Com o aumento da popularidade cacau Show que iniciou com vendas porta a porta nas classes de menor poder aquisitivo, porem com produtos de excelente qualidade e preços razoavelmente baixos se comparado á concorrência de chocolates finos, a CRM viu-se obrigado a adotar uma estratégia agressiva, pensando no confronto direto com á Cacau show em pontos aonde ate então seu produtos não eram vendidos e para não manchar a marca exclusiva criou assim a Brasil Cacau disputando os clientes das regiões periféricas.
Alguns dados demonstram claramente essa disputa de mercado, tais como os citados no quadro abaixo;



Figura: 1. 
4.2    Análise SWOT

Colocadas as estratégias em análise, pode-se perceber o quão instigador são as possibilidades de desenvolvimento das estratégias de gestão e marketing, em comparação das empresas em questão, verificou a imersão de uma empresa relativamente jovem no mercado de chocolates finos a ‘Cacau Show’ com pouco mais de 20 anos de existência ela conseguiu conquistar de forma muito expressiva o mercado consumidor, a ponto de a concorrência começar a pensar novas estratégias para segurar o franco crescimento da ‘Cacau Show’. Abaixo segue a Figura 2 de diagrama desenvolvido para explicitar a visão que obtivemos por meio da ferramenta SWOT.


Figura:2
Como se percebe a Cacau show por meio de sua estratégia atingindo as classes menos favorecidas, começou a conflitar diretamente com os interesses da Kopenhagen que por sua vez sentiu-se ameaçada por seu concorrente, partindo desta ameaça a CRM Empresa que gere a marca ‘Kopenhagen’ cria uma estratégia para tentar conter o crescimento da ‘Cacau Show’. Com a criação da ‘Brasil Cacau’ com uma estratégia de mercado totalmente agressiva inicia um ponto de concorrência direta com a concorrente, tomando o caminho inverso da ‘Cacau Show’ que estava graduando entre as classes da ‘C’ e ‘D’ para a ‘B’ e ‘A’, logo a ‘Brasil Cacau’ teve foco direto no consumidor foco da concorrente. Conforme nos demonstra a figura 3.

Ação da ‘CRM’ em relação a forte e crescente concorrente ‘Cacau Show’;


Figura 3

Em linhas gerais, para questão de análise explicita da concorrência entre ‘Cacau Show’ e a ‘CRM’ pode ser apreciada pelo diagrama da figura 4 disposto para apreciação abaixo.
Análise dos conflitos entre a concorrência das três marcas;


Figura 4

Com o exposto se pode perceber a genial estratégia da ‘CRM’ para tentar inibir o crescimento da ‘Cacau Show’ embora os esforços sejam muito interessante ainda não são o suficiente para interromper o desenvolvimento da grande ‘Cacau Show’.
Essa briga pode mais tarde acarretar em prejuízos para alguma das marcas por adotarem uma posição tão agressiva, a CRM pode perder por estar ampliando as franquias Brasil Cacau de uma forma muito rápida ou a cacau show cometer erros devido a essa pressão imposta pela concorrência. Quem sai ganhando com essas disputas são os consumidores que alem de preços reduzidos e o evidente aumento na qualidade.

5    Responsabilidade Social

No que diz respeito à responsabilidade Social a ‘Cacau Show’ esta engajada junto a AACD (Associação de Assistência à Criança Deficiente) em parceria com a emissora de Televisão ‘SBT’ no projeto de Ação Social TELETON que tem como objetivo arrecadar fundos para manutenção de programas e projetos de inclusão de pessoas com necessidades especiais. Nesta campanha a ‘Cacau Show’ entra com a doação de um percentual das vendas de seu carro chefe as trufas, esse projeto tem o envolvimento de todas as unidades da rede de franquias e ocorre dentro do período de promoção do evento. O projeto é intitulado como; “Semana da Trufa do Bem”.
A ‘Cacau Show’ tem como compromisso a valorização de seus funcionários e a filosofia institucional da empresa inspira isso, a missão, visão e valores da organização são:

Filosofia:
“A Cacau Show não é apenas uma empresa que faz chocolates.
É uma empresa com pessoas apaixonadas pelo que fazem.
E, todos os dias, trabalhamos para que você perceba isso”.

Missão:
“Proporcionar ao maior número de pessoas uma experiência memorável e excelente em produtos e serviços. Sendo referencia em gestão do negócio de chocolate”.

Visão:
“Ética, respeito e honestidade; Compromisso como crescimento e resultados; Prática da Inovação; Incentivo e Reconhecimento ao Desenvolvimento Individual; Cuidado consigo mesmo, com o outro e com os detalhes;”


Valores:
“Ser a maior e melhor rede de chocolates finos do mundo. Oferecendo aos seus clientes e parceiros uma relação duradoura, com foco no crescimento, rentabilidade e responsabilidade sócio ambiental.”


6    Curiosidades

No inicio das Atividades da ‘Cacau Show’ Alexandre Costa fazia vendas porta a porta e utilizava-se de Fusca o qual ganhara de seus pais.
Em 2001 nasce surge à ideia de se criar uma loja, com um grande colega e revendedor quando próximo de uma páscoa recebera um grande pedido em seu apartamento, a quantidade de ovos era tão grande que seu apartamento ficou pequeno, com isso nasce à primeira loja da ‘Cacau Show’ e a partir dai criação a franquia.
A ‘Cacau Show’ pretende produzir 4,2 mil toneladas de chocolates em 2012, sendo que 2,3 toneladas representam as expectativas para a páscoa e espera ainda um crescimento de cerca de; 28% no faturamento das vendas nas franquias para a páscoa em relação ao ano de 2011.
Em contrapartida pensando nesta alta da demanda neste período, serão ofertadas aproximadamente 3.400 vagas de empregos temporários em todas as unidades de franquia. Destes uma média de 35% acabam sendo efetivados.
Em 2010 a ‘Cacau Show’ foi enredo do carnaval Paulista na escola de samba pela escola de samba ‘Rosas de Ouro’. Com o enredo “O cacau é show” - a empresa de Costa investiu um montante de 50 mil reais na realização deste desfile, neste ano a escola de samba vence o campeonato das Grandes escolas.
Neste mesmo evento ocorreu uma curiosidade, um trecho da música da escola de samba onde era mencionado o nome da ‘Cacau Show’ é suprimida por força da emissora de evento ‘Rede Globo’ que não se dispôs a “permitir” a execução deste trecho. Superado este fato, Alexandre Tadeu da Costa desfila em um dos carros da escola.
Uma peculiaridade de Costa é a valorização e a humanização de seus colaboradores que possuem imagens de seus filhos e de toda a equipe fixada das paredes dos refeitórios da organização. Nas reuniões corporativas Alexandre leva seu violão e tocam rock nacional no intuito de promover um espaço mais aberto ao enriquecimento intelectual. Ainda voltado aos colaboradores a Empresa possui um sistema de incentivo ao desenvolvimento do capital intelectual da organização.
Alexandre T. Costa já publicou dois livros sendo: “O Cacau é Show” (2008) e “Uma Trufa e 1000 Lojas depois” (2011).

7. Conclusão

A partir do presente estudo pode-se compreender de forma mais clara e sucinta os sistemas de redes de franquia e toda sua complexidade e burocracia, mas, além disto, o estudo nos incitou a analisar o espírito empreendedor que esta por traz da organização, e o que vemos é visões estratégicas voltadas à gestão da marca e do marketing em geral, pudemos verificar que existe o marketing de guerrilha entre os concorrentes, que apesar de saudável para o consumidor entre as organizações ela se da de forma ‘agressiva’ e objetiva. Pudemos concluir o quanto é brilhante a história da marca ‘Cacau Show’ e ainda analisar a concorrência e evidenciar estratégias de gestão que nos permeiam no dia a dia, mas que acabamos por não perceber por não possuir um envolvimento, não consideramos essa falta de percepção de forma pejorativa, mas construtiva a tal ponto, que com o estudo pudemos vivenciar, por mais que de forma sintetizada como funciona o mercado de vendas de chocolates finos e os sistemas de rede de Franquia.


8.    Referencias


As Novas Franquias; Disponível em: http://revistapegn.globo.com/Revista/Common/0,,EMI192223-17171-1,00-FRANQUIAS+BARATAS+PARA+COMECAR+O+SEU+NEGOCIO.html – Acesso em: 25/03;

‘A Receita da Cacau Show’; disponível em: http://blog.mkt360graus.com.br/2011/06/cacau-show-um-case-de-empreendedorismo.html - acessado em: 05/03;

Cacau Show espera vender 2,3 mil toneladas de chocolate na Páscoa deste ano; disponível em: http://www.administradores.com.br/informe-se/administracao-e-negocios/cacau-show-espera-vender-2-3-mil-toneladas-de-chocolate-na-pascoa-deste-ano/52771/ - Acesso em: 29/02;

Cacau Show promove Semana da Trufa do Bem com parte da renda revertida para o Teleton 2011; Disponível em: http://www.cidademarketing.com.br/2009/imprimir/n/8491/microcrdito-cresce-dez-vezes-em-sete-anos.html - Acesso em: 01/03;
MELLO B. F.; Receitas de sucesso: como a Cacau Show se tornou referência em empreendedorismo; Disponível em: http://www.administradores.com.br/informe-se/entrevistas/negocios-economia/receitas-de-sucesso-como-a-cacau-show-se-tornou-referencia-em-empreendedorismo/55/ - Acesso em: 29/02;
METODOS DE FRANQUIA; Disponível em: http://www.cacaushow.com.br/franquias - Acesso em 05/03, Revisado em: 02 e 03 do 04;

MIUZZINI J.; GRAPEGGIA M.;  Estágios de crescimento da empresa Cacau Show com base no Ciclo de Vida Organizacional; Disponível em: revistas.utfpr.edu.br/pb/index.php/CAP/article/view/904/548 – Acesso em: 19 de março de 2012;

TAVARES M. M. F.; Agregação de valor no cacau: O caso Cacau Show; Disponível em: httpagrors.espm.brarquivoscacaushow.pdf - Acessado em: 05/03

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário